sábado, 30 de outubro de 2010

A ETERNIDADE TODA PARA PERGUNTAR...

A fumaça cinzenta chegando perto. Com náuseas, você advinha os degraus, correndo tropegamente. Alguns lances de escada antes e o forro despencara, quase atingindo sua cabeça. Ao fundo, gritos desesperados, quiçá de vizinhos condenados pelas chamas famintas.

Mas ele surge.

O chapéu engraçado e a roupa vermelha não parecem deixar dúvidas. “Suba nas minhas costas, vou tirá-lo daqui e levá-lo a um lugar segundo”, anuncia o bombeiro com voz de urgência.

“Espere um momento”, você interrompe. “Não vamos sair daqui antes que eu obtenha algumas respostas”. O bombeiro coça a cabeça. Esse tipo de situação não constava no manual de treinamento. Ele se aproxima para salvá-lo, julgando ter diante de si alguém sem juízo. “Nem pense nisto!”, é sua veemente advertência.

Talvez alguma coisa no tom de sua voz seja forte o suficiente para convencê-lo. Ou talvez sua abordagem seja tão original que o seu salvador resolva escutar.

“Bem, amigo. Você está realmente certo de que precisamos sair do prédio? Quero dizer, tudo bem, um incendio está acontecendo, mas ele não pode parar assim como começou – repentinamente? Outra coisa: quem me garante que lá fora seja um lugar seguro? Você trouxe fotos da parte externa do prédio?”

Pela fisionomia, pode-se ver a confusão no rosto do bombeiro – ele simplesmente se encolhe, indiferente às perguntas, surpreso com o local escolhido para fazê-las. Antes que o oficial retome a palavra, você prossegue: “Outra coisa: quem é você? Em que lugar fez seu treinamento? Sempre pensou nesta carreira? Ser bombeiro dá tanto dinheiro como ser analista de sistemas?”

Eu sei. A situação toda é sem cabimento. A emergência cala nossa curiosidade, não é? Qualquer pessoa curiosa teria, ao menos, o bom senso de esperar sair do perigo para fazer perguntas. Ninguém interromperia o próprio resgate para subter seu salvador a um questionário fora de lugar.

Pelo menos, na vida comum.

Espiritualmente falando, a coisa é diferente. De onde veio Deus? Como posso aceitar a Trindade se isso não é lógico? Vida eterna não é algo fantasioso demais para que tentemos explicá-la? Adão tinha umbigo (esta é clássica!)? Por toda parte, as pessoas estão impedindo que o Salvador tenha acesso ao coração delas, simplesmente porque buscam primeiro entender todos os detalhes, inclusive aqueles que são irrelevantes ou os que se acham, por definição, acima de nossa capacidade.

Deus quer que eu me ocupe das coisas essenciais, que ele revelou (Dt 29:29), sem me embrenhar por contendas inúteis , que dividem as pessoas. Alguns trocam a Verdade pela especulação, e se poem teimosamente onde nem mesmo admoestações racionais os podem trazer de volta ao caminho (Tt 3:10-11).

Estamos sendo resgatos. As circunstâncias urgem. Deus nos instrui quanto ao básico. O foco é salvação, não explicação minuciosa do funcionamento da Física. Deus não argumenta porque age de determinadas maneiras em relação à nossa vida. O fundamental é confiarmos no Seu amor e nos subtermos às Suas decisões. Quanto às dúvidas, teremos toda a eternidade para perguntas. Antes, precisamos chegar até lá…

21 comentários:

Anônimo disse...

Esta muito bom, tomara pessoas possam ser alcançadas com essa mensagem, acho que antes de fazermos perguntas temos que nos entregar ao senhor, mas na pratica é bem mais difícil... Temos que pedir ajuda a Deus, para conseguir fazer isso!


Cryscella =D

Anônimo disse...

Eu gostei muito do texto. As vezes faço algumas perguntas desse tipo.
Eu achei vários erros no texto, mas ninguém é perfeito.
Sou muito curiosa quanto a esse tipo de coisa, mas, afinal, teremos a eternidade toda para perguntar.


Gabriella.

Anônimo disse...

Se tem uma coisa que sempre tenho duvida é sobre isso, agora o porque disso eu sei,tudo na nossa vida tem certas coisas que não gostamos mas a vida é assim.Só quero dizer que gostei muito do texto muitas vezes serve para aconselhar as pessoas, (me ajudou muito) Giovanni Detoni.=D

cristian gabriel disse...

gostei muito bom.as vezes eu me pergunto porque que nos temos que ficar perguntando alguma coisa que não sabemos. por isso temos a eternidade toda para peguntar.

Anônimo disse...

Tá super interessante esse texto, mas não o achei claro o suficiente, mas eu gostei bastante.
E acredito também que essa seja a realidade da nossa geração, Deus está pedindo pra nos salvar, mas agente não aceita, e quer explicação, sendo que a explicação nós teremos no céu, teremos 1000 anos para tirar nossas duvidas, mas mesmo assim não entendemos isso e queremos a explicação agora.
Rafaela (aluna)

Anônimo disse...

Já fiz varias perguntas dese tipo, mais temos q entregar nas mãos de Deus... Temos toda a eternidade para fazer isso, basta esperar.
Isso me ajudou muito :)

Sarah Giraldi *-*

Anônimo disse...

eu gostei e avezes me pergunto para que a eternidade toda para peguntar por isso nos precizamos perguntar para nos aprendermos:Cristian Gabriel:30/10/2014

Anônimo disse...

Não achei claro o suficiente.
Mas gostei muito, concordo com você, eu sou assim e garanto que outras pessoas também, queremos respostas imediatas, mas temos que ter calma e somente aceitar Deus...


Joana.

Anônimo disse...

Cara, achei ótimo esse texto, isso mostra que na hora da salvação não devemos ficar perguntando o porque, simplesmente aceite a salvação...

~Murilo Guedes :)

Anônimo disse...

Eu achei muito bom o texto, hoje nós não temos todo o tempo para perguntar.Mas quando irmos para o céu lá nós vamos ter todo o tempo que precisar.
Devemos entregar tudo na mão de Deus,ele sim sabe o melhor para cada um.

Maria Fernanda

Anônimo disse...

Achei a comparação super elaborada e achei o texto claro, mas não o suficiente para que todos consigam entender.
Realmente, concordo contigo, se temos a eternidade toda pra perguntar, por que queremos respostas agora? Basta aceitar Jesus.
Rhayanne

Anônimo disse...

O texto é muito bom. Infelizmente esta é a realidade de muitas pessoas, criam duvidas a respeito da palavra de Deus e acham desculpas para não aceita-la. O que não está revelado na Sua palavra só saberemos na eternidade. Por isso temos que aceitar Jesus e confiar na Sua palavra.
Barbara Ester.

Anônimo disse...

O texto é muito bom.
Ele mostra que nós queremos tudo do nosso jeito e na hora que queremos.
Não precisamos ter pressa, só temos que aceitar Jesus,pois temos a eternidade toda para perguntar.
Heloísa Vitorino =)

Anônimo disse...

acontecimentos mesmo confiando em Deus surgem os "porquês". Realmente terei toda a eternidade para perguntar. Não existe acasos e sim providencia divina Deus não realiza nenhuma obra pela metade precisamos ter paciência pois a hora de Deus é diferente da nossa.

Emily

Anônimo disse...

Achei muito bom esse texto porque isso nos mostra que qualquer pessoa tem a eternidade toda para perguntar indiferente de qual seja de onde esteja, o local, o momento etc...


Ana bheatriz.

Anônimo disse...

Gostei muito do texto. O exemplo que você deu da curiosidade do menino em relação absurda ao momento que se passava ali, é a mesma em que passamos muitas vezes na vida, coisas que não tem sentido de ser perguntadas no momento. Nós temos que aceitar a Deus primeiro, pois temos a eternidade toda para perguntar. Na hora de aceitar bebidas alcoólicas, drogas, e outras coisas ruins, as pessoas não fazem perguntas de como “de onde surgiu essa droga? Essa bebida faz mal?” elas aceitam sem mesmo saber ou sabendo das consequências. Agora, porque que conhecendo a verdade que a Bíblia diz: “ Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.” (João 3:16), as pessoas tem tanta dúvida?
Victor Emanuel =)

Anônimo disse...

Não achei claro o suficiente.
Mais eu achei muito interessante, e é verdade todos nós temos alguma pergunta desse tipo, que nos deixa muito confuso mas fase o que temos a eternidade toda para perguntar e entender.
Beatriz Natalie Beienke =D

Anônimo disse...

Bom, todos temos nossas perguntas. É inevitável não se perguntar "Quem é Deus?Como ele se fez?" e muitas outras. Como somos, somos pessoas mimadas, queremos as respostas na hora e acabamos não confiando o suficiente em Deus para nós entregar. Achei o texto bom, mas não claro o suficiente, gostei ate a ponto. Tive duvidas, tenho duvidas.

Com amor
Micaela Reis

Anônimo disse...

Achei o texto muito bom e esclarecedor, gostei da comparação e acho que este me deu mais certeza a respeito de Deus e salvação e eu concordo com o assunto.
Yasmin

Anônimo disse...

Eu não achei tão bom assim , mas é verdade nós teremos a eternidade toda para pereguntar
Maria eduarda

Anônimo disse...

Gostei do texto,mas eu não achei claro.
Mas quando JESUS voltar não temos que ficar fazendo perguntas e, sim, O aceitar de uma vez.


Natália*